O conceito da Virtualização de Desktops é o mesmo da Virtualização de Servidores, ou seja, a possibilidade de executar diversos sistemas operacionais em apenas um equipamento físico.

A virtualização de desktop permite a execução de múltiplos sistemas operativos numa única workstation, proporcionando uma maior disponibilidade de aplicações e serviços.
Por sua vez a virtualização de aplicações permite executar aplicações num ambiente virtualizado no desktop do utilizador, de forma isolada do sistema operativo.

A virtualização de aplicações atribui uma grande flexibilidade às empresas já que permitir uma gestão centralizada das mesmas e um lançamento rápido e sem problemas de incompatibilidade.
A análise de compatibilidade de aplicações garante que não terá problemas ou incidentes com o sistema operativo sobre o qual serão executadas.



  • Redução do tempo utilizado com a manutenção dos postos;
  • Gestão centralizada de máquinas virtuais, utilizadores, desktops e serviços;
  • Gestão fácil através de um interface web;
  • Permite aos utilizadores terem vários sistemas operativos em simultâneo;
  • Redução do custo total de propriedade;
  • Redução de custos com energia, com a utilização de equipamentos tipicamente menos exigentes em termos de recursos e por isso mais económicos em termos energéticos (thin clients);
  • Aumento do nível de segurança (todos os dados são guardados centralmente);
  • Flexibilidade e rapidez na substituição dos postos de trabalho;
  • Extensão do período de vida do parque informático, transformando os postos de trabalho em terminais VDI.

Solicite aqui mais informações!

VOLTAR AO TOPO